Coisas que achamos que só nós é que sabemos!

* coisas novas

* Receita de Pipocas à O-C

* BE defende quotas para o ...

* Portal da Acção Promocion...

* E não esqueçamos os que b...

* Novas medidas Simplex

* Há coisas fantásticas, nã...

* As vantagens do casamento...

* À minha maneira

* Maçon Shopping Center

* A Kermesse de Paris

* coisas antigas

* Junho 2012

* Abril 2009

* Março 2009

* Fevereiro 2009

* Janeiro 2009

* Dezembro 2008

* Novembro 2008

* Outubro 2008

* Setembro 2008

* Agosto 2008

* Julho 2008

* Junho 2008

* Maio 2008

* Abril 2008

Em destaque no SAPO Blogs
pub
Domingo, 3 de Agosto de 2008

ASAE vai à missa

 

Numa operação envolvendo centenas de agentes, das mais diversas confissões religiosas (incluindo o benfiquismo e o comunismo) a ASAE encerrou várias igrejas, templos, lojas e rulotes de coiratos. A situação irregular mais comum detectada foi a ausência do dístico “Não fumadores”, bem como do livro de reclamações. Algumas confissões alegaram não ter livro de reclamações por manifesta impossibilidade de as remeterem ao responsável, havendo dúvidas sobre a aplicabilidade da lei do tabaco ao incensório.

As hóstias deveriam também ser embaladas individualmente, e as pias de água benta substituídos por embalagens monodose. A Conferência Episcopal já apresentou o seu protesto face à perda de solenidade das cerimónias, além das implicações logísticas do fornecimento de crucifixos ou meninos Jesus individuais para serem beijados pelos crentes (a Quercus chama a atenção para a necessidade de um plano de gestão de resíduos e respectivo estudo de impacto ambiental, derivados da produção dessas quantidades adicionais de resíduos sólidos resultantes das embalagens individuais).

Foram também encerradas algumas piscinas destinadas a baptizados envangélicos, por não apresentarem níveis de cloro adequados, confiscadas foices e martelos por terem ultrapassado o prazo de validade desde 1989, instaurados processos por poligamia a muçulmanos, e apenas os budistas cujo cadáver seja mantido em condições de esterilização total serão autorizados a reencarnar noutras pessoas.

As lojas maçónicas foram encerradas por não terem licença de utilização para estabelecimento comercial e ausência de tabela de preços relativamente aos produtos comercializados (ministérios, secretarias de estado e afins…) além de que o uso de aventais por parte dos membros indiciava práticas de restauração sem que para o efeito tivesse existido parecer do respectivo Delegado de Saúde.

Foram ainda detidos alguns membros de cultos satânicos, uma vez que se dedicavam a degolar galinácios sem a autorização da autoridade veterinária municipal. Já os cultos mais radicais, dedicados aos sacrifícios de seres humanos, foram autorizados a prosseguir, desde que garantissem que os cadáveres resultantes seriam, após o cerimonial, incinerados em crematório autorizado.

 

sonidos: La Folie
a modos que:
publicado por Miguel O às 23:37
ligação do post | diga as suas coisas | favorito

* nada a declarar

* procurar coisas

 

* Junho 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30

* tags

* todas as tags

RSS